Escândalo envolvendo trapaça em transmissões de poker

A livestream de poker Stones Live é interrompida após alegações de trapaça de Mike Postle

Stones Gambling Hall, um conhecido clube de poker na Califórnia exibe regularmente uma livestream de poker ao vivo na Twitch.

Mike Postle é um dos jogadores frequentes na Stone, e atualmente está sendo acusado de trapaça por diversos jogadores que acham difícil explicar suas jogadas e qual a lógica que segue suas decisões.

As ações de Postle sempre trazem bons resultados mesmo desafiando constantemente a estratégia fundamental de poker dos jogadores profissionais.

Acompanhando a trajetória de Mike percebe-se que ele nunca perdeu uma sessão nas transmissões ao vivo. No final da noite seu saldo sempre é positivo, dizem que são 25 noites de vitórias consecutivas. Apesar das decisões que ele toma em jogo serem bem controversas na comunidade.

Depois de ser acusado Postle logo deletou seu perfil no Linked In. Na descrição do perfil ele dizia que estava envolvido na produção de programas de Poker, o que significa que está familiarizado com os equipamentos de transmissão das cartas que aparecem abertas na livestream com um delay de 30 minutos.

Várias pessoas afirmam que Mike joga a maior parte do tempo em transmissões ao vivo. De acordo com o site The Hendon Mob, Mike já acumula $536.542,00 em jogos ao vivo. 

As primeiras acusações foram feitas pela jogadora Veronica Brill enquanto jogavam no Stones Live. Desde que ela se manifestou, outros jogadores vieram com as mesmas queixas á tona. Veronica admite não ter provas concretas contra Mike.

Mas depois que ela falou sobre o assunto os olhos da comunidade se voltaram para o comportamento de Mike e seu histórico de jogo, achando fatos comprometedores. Fazendo muitos duvidarem da sua credibilidade e honestidade. 

Joe Ingram, um jogador de poker e Youtuber, exibiu mais de 5 horas de vídeo mostrando todas as mãos jogadas por Mike, e analisando seu comportamento em vídeo. Ele também tentou descobrir a lógica por trás de suas jogadas, e a única explicação seria de que ele teria acesso a informações privilegiadas.

Durante as mãos é percebido nas gravações que ele está constantemente cobrindo seu rosto com um boné e olhando para baixo.

Foram proibidos o uso de aparelhos celulares nas transmissões por motivo de segurança, mas Mike olha repetida vezes para o colo antes de tomar qualquer decisão importante no jogo. Ele aparentemente tem conexões com as pessoas que estão na produção do programa.

Você pode seguir de perto as investigações no caso de Mike pelo canal do Youtube do Doug Polk e do Joe Ingram

** Confira também: Polêmica envolvendo o poker no Venetian em Las Vegas

Por Camila Avelar

Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close