Jogadores se unem para ajudar animais e vítimas dos incêndios na Austrália

Saiba como ajudar!

Nos últimos meses estão havendo diversos incêndios na Austrália e isso está gerando um impacto imenso na fauna, na flora do país e na população. Os incêndios já atingiram uma área superior ao tamanho da Noruega. Aproximadamente um bilhão de animais já morreram, incluindo koalas, cangurus e outros. Além disso pelo menos 26 pessoas já morreram e casas foram perdidas. Várias iniciativas para ajudar as organizações que estão lutando para salvar os animais e as pessoas afetadas já surgiram na comunidade do poker.

O Crown Resorts, hotel em que está acontecendo o Aussie Millions, doou $5 milhões de dólares australianos para ajudar a causa. Eles também prometeram que para cada garrafa de água vendida no Crown, uma garrafa será doada. Adicionalmente aos fundos doados, o Crown ofereceu 200 quartos de hotel para pessoas que perderam suas casas nos incêndios na cidade de Mallacoota e que foram evacuados para Melbourne.

LEIA TAMBÉM: Galfond Challenge começa dia 22 de janeiro e MAIS atualizações

Lynn Gilmartin, apresentadora e jornalista do World Poker Tour, é uma figura conhecida do mundo do poker a muitos anos. Ela decidiu usar sua influência para ajudar os animais afetados pelos incêndios. Lynn apoia a instituição Australia Zoo Wildlife Warriors desde antes das queimadas começarem, e agora mais do que nunca eles precisam da maior ajuda possível. Lynn decidiu angariar fundos nas suas redes sociais para doar á causa. A iniciativa “Poker Players for Autralian Wildlife” foi criada no dia 6 de janeiro de 2020 no Facebook. Ela estipulou a meta inicial de $10.000 dólares em arrecadação, mesmo pensando que era uma meta um tanto ousada ela decidiu se arriscar. Para sua surpresa, o dia não tinha nem chegado na metade e ela já havia ultrapassado a marca inicial. Após isso ela estipulou A$50.000 e assim como na primeira vez, em 5 dias já tinha arrecadado a quantia. A próxima é de A$100.000 e Lynn disse já ter arrecadado mais de 60% disso.

“Acho que quando você tem uma audiência que presta atenção no que você diz, é sua responsabilidade compartilhar as coisas importantes para você e retribuir ao mundo em qualquer maneira que puder. Somos influenciados por aqueles ao nosso redor e quando você vê alguém fazendo isso, você pensa, eu posso fazer isso também.” Disse Lynn.

Outros jogadores seguiram a mesma linha e resolveram arregaçar as mangas para ajudar. Kahle Burns foi um dos que mais divulgou a arrecadação de fundos e até ofereceu um coaching com ele para quem doasse mais de A$500. Muitos outros tomaram iniciativa para incentivar as doações.

É muito legal ver a comunidade tomar iniciativa e se envolver com uma causa tão nobre. O poker pode passar a imagem de ser um esporte individualista, mas em várias ocasiões os jogadores se unem para ajudar causas humanitárias provando o contrário.

Caso queira doar para o Poker Players for Australian Wildlife é só CLICAR NO LINK

**Acompanhe as últimas novidades do Mais Poker pelo nosso Instagram: @maispoker

LEIA TAMBÉM: Rob Yong lança desafio heads up de $100K no Twitter

 Luiz Muller fala sobre sua fase no Winter Series e conta da vez que foi banido do PS

Partypoker adota sugestão de Bill Perkins para incentivar “cavaladas”

Toby Lewis conquista 3º título no Aussie Millions

A reviravolta no caso Ivey vs Borgata

Postle Saga: Postle foge de intimação legal

Retrospectiva 2019, o que mais deu o que falar esse ano!

4-Bet responde dúvidas sobre os times de poker e como jogar em um

João Simão vence o The Venom e leva mais de $1.000.000

Por Camila Avelar

Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close